Cara a cara

Entrevistas com pessoas interessantes sobre assuntos relevantes para toda a comunidade escolar.

 

Responsável:

Paula K. Pimentel

 SALA DE APOIO E SALA DE RECURSOS

 

 

Salas de apoio à aprendizagem

Tem o objetivo de atender às dificuldades de aprendizagem de crianças que frequentam as séries finais do Ensino Fundamental. 
Para os alunos da 5ª Série/6º Ano e 8ª Série/9º ano, a abertura da Sala de Apoio se dá de forma automática. Para as demais séries, a abertura deve ser solicitada. 
Esses alunos participam de aulas de Língua Portuguesa e Matemática no contraturno, participando de atividades que visam à superação das dificuldades referentes aos conteúdos dessas disciplinas.

 

Salas de recursos

É um serviço de natureza pedagógica que apóia e complementa o atendimento educacional realizado em classes comuns nas séries finais do Ensino Fundamental.

Alunos regularmente matriculados nas séries finais do Ensino Fundamental, que apresentam Transtornos Globais do Desenvolvimento ocasionando prejuízo no desenvolvimento biopsicossocial, em grau que requeiram apoio e atendimento especializados. Incluem-se neste grupo alunos com Autismo, Síndromes do Espectro do Autismo e Psicose Infantil.

 

 

 CONFIRA OS VÍDEOS DAS ENTREVISTAS!

Comente aqui as entrevistas com as professoras da sala de apoio e recurso.

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

TABACO

 

Entrevista realizada com a aluna Andressa do período noturno e a professora de Geografia Roselir. Duas pessoas que admitem o vício em tabaco e vêm nos trazer uma mensagem sobre os malefícios do mesmo.

Entrevista interessantíssima, feita com bastante sinceridade sobre esse mal que atinge boa parte da população.

 

PROFESSORA ROSELIR NANDI

 

01.Qual seu nome?

Roselir Nandi

02.Quantos anos você tem?

50 anos

03.Quando você começou a fumar?Com que idade?

15 anos

04.Há algum familiar ou amigo fumante?

Amigos e o Pai.

05.Como aconteceu?Foi por influência de alguém?Foi por curiosidade?Foi para se inserir em algum grupo?

Por influência do pai, pois ele pedia pra ir acender o cigarro para ele e eu acabava indo acender. E por influência dos amigos também.

06.Em que momento você percebeu que estava viciada?

Logo quando a gente começa fumar.

07.Você tem vontade de parar de fuma?

Tenho, já parei de fumar várias vezes e retomei novamente.

08.Por que não para?

Falta de vergonha, capricho e o próprio incentivo.

09.Que prazer você encontra fumando?

O prazer é o relaxamento, o estresse que sai do corpo.

10.Não querendo ser desagradável, mas você tem que admitir que o cigarro é ardido, sufocante e cheira mal. Na sua opinião, qual o motivo do seu sucesso?

Nenhum, eu procuro não fumar perto das pessoas nem dentro de casa e nem em lugares fechados, depois de fumar eu sempre procuro chupar uma bala por causa do mau hálito, pois o cheiro e insuportável.

11.Você tem conhecimento dos malefícios do cigarro?

Sim, câncer em vários locais do corpo e a tendência de pegar doenças mais fácil.

12.Em média quantos cigarros você fuma por dia?

Uma carteira de cigarro por dia.

13.Você sente algum sintoma das doenças relacionadas ao cigarro em seu organismo?

Não, porque tenho acompanhamento médico.

14.Por ser fumante, já perdeu alguma oportunidade ou sofreu algum tipo de preconceito?

Sim, pois em alguns locais temos que nos retirar porque nao pode fumar em ambientes fechados.

15.Está em seus planos parar de fumar algum dia?

Sim, é nisso que eu penso todos os dias.

16.Você conhece alguém que fuma e que tenha desenvolvido problemas de saúde?

Não.

17.Você coloca a responsabilidade de seu vício em você mesma, nas pessoas reponsáveis pela sua formação, na falta informação ou nas indústrias tabagistas? Por quê?

Em mim mesma, pois na época não tinha TV para nos informar do que o cigarro faz em nosso organismo e também quando saía os amigos saiam pra fumar e a gente acabava fumando também.

18.Que mensagem você poderia deixar para as pessoas que pretendem começar a fumar?

Não tem nem lógica  começar a fumar a pessoa que nunca fumo que continue assim e nunca fume.

 

 

 

__________________________________XXX______________________________________

 

 

 

ANDRESSA DEBORA DE OLIVEIRA SOUZA

 

01.Qual é o seu nome?

Andressa Debora de Oliveira Souza.

02.Quantos anos você tem?

18 anos.

03.Quando você começou a fumar?Com que idade?

13 anos.

04.Há algum familiar ou amigo fumante?

Amigo sim. Familiar não.

05.Como aconteceu?Foi por influência de alguém?Foi por curiosidade?Foi para se inserir em algum grupo?

Curiosidade mesmo. Não foi pra me inserir em nenhum grupo foi só por curiosidade.

06.Em que momento você percebeu que estava viciada?

Desde o ínicio porque não consigo ficar um dia sem fumar.

07.Você tem vontade de para de fumar?

Tenho.

08.Por que não para?

Porque faz tanto tempo que eu fumo que já não vejo o cigarro como algo negativo. Porque é mais forte que a gente.

09.Que prazer você encontra fumando?

Nenhum já é automático, eu como e já vou fumar é algo que já está no meu cotidiano.

10.Não querendo ser desagradável, mas você tem que admitir que o cigarro é ardido, sufocante e cheira mal.Na sua opinião,qual o motivo do seu sucesso?

É vício é uma coisa que você já está acostumado. Eu termino de fumar e  já to lavando a mão e passando creme porque o cheiro é desagradável e o gosto na boca então...

11.Você tem conhecimento dos malefícios do cigarro?

Sim.

12.Em média quantos cigarros você fuma por dia?

Se eu estiver ocupada, pouco, mas normalmente uns 8, no máximo 10.

13.Você sente algum sintoma das doenças relacionadas pelo cigarro em seu organismo?

Sim, me sinto ofegante.

14.Por ser fumante,já perdeu alguma oportunidade ou sofreu algum tipo de preconceito?

Não.

15.Está em seus planos parar de fumar algum dia?

Sim, mas aos poucos.

16.Você conhece alguém que fuma e que tenha desenvolvido problemas de saúde?

Não conheço, mas já ouvi falar muito.

17.Você coloca a responsabilidade de seu vício em você mesmo,nas pessoas reponsáveis pela sua formação,na falta informação ou nas indústrias tabagistas?Por quê?

Eu fumo porque quero por burrice mesmo.

18.Que mensagem você poderia deixar para as pessoas que pretendem começar a fumar?

Uma idiotice você fazer isso, além de que você vai gastar muito dinheiro à toa e o pior de tudo é que  prejudica muito sua saúde.

 

 

 

Comente aqui as entrevistas com a professora Roselir e a aluna Andressa.

Data: 07/12/2011

De: Enilde

Assunto: comentario

Essa entrevista deve ser comentada e divugada pois o cigarro ja fez muitas vitimas, o meu pai foi uma delas ele fumou durante 30 anos deixou de fumar mas conviveu o restos dos seus dias com sequelas do cigarro ele morreu de efizema pumonar ocasionada pela nicotina.

Parabens pelo seu trabalho precisamos sensibilizar as pessoas do mal que o cigarro faz.

Data: 18/06/2011

De: luisa

Assunto: comentario

adorei a entrevista parabens

Novo comentário